Fonte: +A a-


Revista de Marketing Industrial nº 58


Sinopse

A execução como estratégia
José Carlos T. Moreira

Fazer bem o que precisa ser feito é uma competência essencial nos dias de hoje. E ganha toda uma dimensão estratégica, como nos mostra o autor: o valor é estático, mas o valor percebido nasce do movimento.

Lidando com as incertezas
Jean Bartoli

O texto se baseia em uma palestra do autor no 24° Fórum de Marketing Industrial. Fala de incertezas e preocupações do momento atual da humanidade, mas também das esperanças possíveis e dos desafios para os homens lúcidos e comprometidos.

Gestão de riscos
Rich ard Schwarzwald

A disseminação das técnicas de gestão de risco no interior das diversas cadeias de suprimentos vem sendo cada vez mais necessária. O autor, executivo de uma grande montadora de veículos, nos ensina alguns caminhos e considera que o conceito de foco do cliente poderá concorrer para que tal aconteça, com benefícios para todos os envolvidos.

Potenciais intangíveis das pessoas para a construção de uma sociedade cooperante
Nuno Rebelo dos Santos

Nuno Santos constrói, com auxílio dos autores que cita, as bases de uma epistemologia da cooperação. Um conjunto de fundamentos que ajudam a nortear as atitudes de quem pretende eleger a cooperação como bússola, para uma prosperidade responsável e inclusiva.

A nova economia colaborativa
Tom ás de Lara

"O acesso a um bem é melhor do que a sua propriedade." Esta frase, dita no contexto das possibilidades de cooperação, é um lema para toda uma nova geração de empreendedores, como o autor deste artigo; e deu origem a muitas (novas) reflexões entre os participantes do último Fórum de Marketing Industrial.

Frescobol ou tênis, qual é o melhor modelo para relações no Marketing Industrial?
Ricardo Pereira

Colaboração é a bola da vez. Depoimentos de executivos, como o autor, demonstram que a busca de um modo de ser mais sustentável, mais solidário, vem ganhando adesões nos meios empresariais mais atentos à evolução da economia e da sociedade.

Que modelos educacionais queremos construir?
Felipe Amaral

Muitos acham que a Educação é de longe a maior prioridade de qualquer país. Mas não é fácil fazê-la interagir com a dinâmica da evolução do conhecimento. O autor, no 24° Fórum de Marketing Industrial, deu a sua visão sobre o tema, para mostrar como funciona uma oficina de ideias destinada a quem saiu da Universidade querendo mais do que um bom emprego.

Céu de Brigadeiro é indício de crise econômica na China?
Hsieh Yuan

O autor tem sido um observador atento de tudo o que acontece com a política e a economia chinesas. O céu que ele tem visto em Xangai está ficando mais azul, é verdade, mas isto pode sugerir muitas coisas, até mesmo o sucesso de novas iniciativas ambientais. Para ele, as taxas de crescimento da China devem diminuir, mas não muito.

Visões, futurismo e narrativas
Luis Miguel Araujo

Uma palestra inédita de Steve Jobs em um congresso, gravada em outubro de 1983, prenuncia a evolução dos computadores, "que tornar-se-iam ubíquos em um futuro próximo". Isto significa, ou não, que ele já teria, à época, alguma ideia sobre os iPhones e os iPads? Esta questão é o fio da meada para que o autor desenvolva ideias instigantes sobre o tempo, as narrativas, as sucessões de acontecimentos.

Executivo, prepare-se. A forma como trabalhamos está com os dias contados
Daniela Degani e Felipe Ribeiro

As perspectivas e também os possíveis formatos da flexibilização da jornada de trabalho dos executivos foi objeto da pesquisa realizada pelos autores. Com automotivação, talento e suporte tecnológico, melhores executivos farão melhor uso do tempo, para a empresa e para si mesmos.

Jogando dentro
Gui Brammer

Uma atitude proativa em relação aos resíduos, com vantagens para todos. Um vetor para dar concretude ao discurso da sustentabilidade na transformação industrial. O autor mostra o que fazer, pela técnica, para aumentar a integridade ecológica de uma cadeia de suprimentos.

Paradoxos do conhecimento ignorante
Sigmar Malvezzi

Dizem que entramos na Era do Conhecimento. Mas... de qual conhecimento estamos falando? O autor faz reflexões sobre um tipo de conhecimento superficial e apressado - o conhecimento ignorante - por isso de fácil disseminação até pelos meios virtuais, mas insuficiente para a gestão dos negócios e das pessoas.

Boa viagem!
Maria José Femenias Vieira

A autora, médica, deseja boa viagem aos nossos leitores, à sua maneira. São muitas as dicas simples, úteis e preventivas, principalmente para quem faz longas viagens de avião.

Opinião
Nélio Arantes

José Carlos, Gerson e as empresas válidas

Abstract News
Instituto de Marketing Industrial

Resumo qualificados (abstracts) de trabalhos recentes, resultantes de pesquisas universitárias e artigos de revistas, relacionados com o Marketing Industrial.