Fonte: +A a-


Revista de Marketing Industrial nº 29


Sinopse

Evolução deliberada: uma poderosa vantagem competitiva
José Carlos Teixeira Moreira

As pessoas evoluem, e as empresas também; e no ambiente empresarial evoluir é condição de sobrevivência. Mas a evolução deliberada não acontece apenas pela manifestação da vontade da empresa. É a consequência de uma atitude, se materializa em um processo, amplia perspectivas e envolve riscos. Neste artigo, o autor contribui com a sua vivência para sugerir marcos de orientação do processo evolutivo das empresas.

Marketing Convergente
José Carlos Cunha

No momento em que o progresso técnico viabiliza um nível inusitado de personalização dos produtos destinados ao consumidor final, este tende a transformar-se em um cliente, e então requer um relacionamento diferenciado. Ou seja, certos conceitos - antes típicos do marketing industrial - tendem a ser adotados em outras esferas de relacionamento, ou melhor, convergem, como nos propõe o autor deste artigo. Mas tal migração de conceitos ainda necessita adaptações, pede por respostas para questões não resolvidas. Uma coisa, porém, é certa: as soluções convergem para o people to people.

A aventura de empreender
Caio Cestari

Uma história como muitas outras, mas com nuances próprias: criar uma empresa, crescer com ela, reinvestir sempre, e um dia ter que vendê-la. Um exercício da evolução deliberada, uma reflexão sobre a aventura de empreender.

Crônica de um ser humano feliz
Albino Nadaes Campos

O autor, recentemente, ouviu pelo rádio os conselhos de um analista financeiro internacional sobre como investir na vida. Pelo visto ficou feliz ao constatar que, por ìntuição ou formação pessoal, já vinha há muito pondo em prática esses ensinamentos, que lhe serviram tanto para o sucesso profissional como para a felicidade familiar. Neste artigo ele partilha e comenta eses saberes, até porque, como nos disse Tom Jobim, "é impossível ser feliz sozinho".

Contribuindo com a gestão interna do cliente: um outro enfoque na criação de valor
Brasil G. Manfrin

Ampliar as relações cliente-fornecedor para espaços de cooperação novos e não limitados ao contexto das transações pode ser uma outra maneira de criar valor percebido. O autor, experiente consultor em vendas e serviços industriais, vê na colaboração entre as diferentes áreas das empresas um bom caminho opcional para fortalecer o relacionamento.

Crônica
Du Moreira

Para diferenciar a música

O Capital Humano no coração da riqueza das empresas
Michel Authier

A gestão do conhecimento já adquiriu, nas empresas que perseguem a própria evolução deliberada, um conteúdo estratégico fundamental. Nem sempre, porém, a importância desse conceito encontra-se refletida no operacional das empresas. Neste artigo o autor, um dos pioneiros dessa temática, no ambiente europeu, introduz novas idéias e propostas de novos caminhos, justamente para superar essa distância entre a teoria e a prática e propiciar às empresas a perspectiva de um sistema de mobilização de competências voltado para a criação de valor.

Resenha Executiva
Instituto de Marketing Industrial

O lucro empresarial é um fim em si mesmo?

Do outro lado da mesa
Fábio Trigo

Executivo com muita experiência anterior em Compras Industriais, o autor nos traz uma abordagem provocadora, inédita sob vários aspectos, que se aprofunda nas relações cliente-fornecedor e propõe rediscutir o posicionamento da área no âmago das organizações, visando reforçar o seu conteúdo estratégico. Em tempos de mercados globais e produtos mundiais, faz todo um sentido discutir isso em novas bases.